Filmes para discutir sexualidade e gênero – Mãe só há uma

Mãe só há uma

mae-so-ha-umaTítulo original: Mãe só há uma
Duração: 82 min
Ano: 2016
Classificação: 14 anos

Mãe só há uma é um filme brasileiro que conta a história de Pierre, um adolescente de 17 anos que descobre ter sido roubado na maternidade pela pessoa que considerava sua mãe adotiva. Depois de ver sua mãe ser presa, passa a viver com a família biológica e podemos acompanhar então a dificuldade que Pierre encontra em  criar um vínculo com essas pessoas estranhas que o chamam de filho. 

Pierre é um adolescente que não respeita muito os padrões gênero e sexualidade. Por um lado, fica com meninos e meninas; por outro, usa roupa de mulher.  O que irá render alguns conflitos com a nova família. Ao acompanhar as explorações de um garoto pelas muitas possibilidades de constituição de si num mundo que gênero e sexualidade não são mais determinados pela natureza biológica da pessoa, o filme pode ser um ponto de partida sobre o assunto.

 

  • Esse artigo foi útil para você?
  • Sim   Não

Deixe seu comentário