Quais são minhas opções em se tratando do sentido da vida?

Embora existam muitas variedades de respostas para a pergunta “Qual é o significado da vida?” pode ser útil estabelecer uma classificação geral dessas respostas. O intervalo de respostas podem ser organizados sob quatro rubricas principais.

(1) Algumas pessoas acham a pergunta obscura e mal formulada para levar a uma resposta satisfatória. Se  trata de uma perspectiva que questiona a própria questão sobre o sentido da vida.

(2) Algumas pessoas afirmam que a vida humana não tem sentido. Esta posição é chamada de pessimismo.

(3) Algumas pessoas procuram a resposta em relatos religiosos ou metafísicos. Esta posição é a visão religiosa.

(4) Algumas pessoas acreditam que podem encontrar significado pessoal em suas vidas individuais mesmo sem um grande significado pré-dado à vida humana em geral. Esta posição é muitas vezes referida como humanismo secular.

O QUE PENSO? Questionário sobre o sentido da vida

[Use a tabela abaixo para avaliar com a sua escolha de resposta para a questão sobre o sentido da vida]
Opções de respostas Eu concordo Eu discordo
1. Quando alguém pergunta “qual é o sentido da vida?” eu não tenho ideia de o que ela está perguntando.
2. A busca pelo sentido da vida é uma questão natural para o ser humano, mas é como procurar pela fonte da juventude. Nos dois casos, jamais será possível encontrar aquilo que se procura
3. Tudo o que acontece na minha vida deveria acontecer para cumprir um propósito maior.
4. Se eu puder dizer no final da minha vida, “eu tive meus altos
e baixos, meus momentos de felicidade e momentos
de tristeza, mas, em geral, a vida é boa “, então eu posso dizer que encontrei o  “o significado da vida”.
5. As pessoas nascem, se sustentam por 70 anos comendo, trabalhando e dormindo, e depois eles morrem. Isso é tudo o que se pode dizer sobre o significado da vida
6. As pessoas podem sentir como se tivessem encontrado o
propósito da vida, mas é possível que eles estejam enganadas sobre isso, porque a existência humana tem um objetivo que é independente de opiniões humanas sobre isso.
7. Não há uma única resposta para a questão do significado da vida que se aplica a todos, porque cada indivíduo deve buscar o seu próprio sentido para a vida.
8. Se as pessoas não conseguem o que querem na vida, elas ficarão frustradas. No entanto, se eles conseguem o que querem, ficarão aborrecidos ou desenvolverão novos desejos e, portanto, novas ocasiões de frustração. Por isso  parece claro que, na análise final, frustração e  sofrimento sem sentido é o que cabe às pessoas ao longo da vida.
9. A menos que estejam completamente entorpecidos para os  próprios da existência, a maioria das pessoas experimenta um vago vazio e anseio ao longo de sua vida, porque estão  tentando preencher esse vazio com o que é transitório e finito quando apenas um significado eterno e infinito irá satisfazê-las
10.  É incorreto falar de “buscar o significado da vida”, porque esta declaração implica que está lá fora, como um ovo de Páscoa, esperando que as pessoas encontrem. Em vez disso, cada pessoa deve falar de “criar significado para minha vida “. As pessoas são como artistas que enfrentam telas em branco, considerando o trabalho pessoal de criação como algo que trará satisfação

 

A declaração 1 se trata de uma perspectiva que questiona a própria questão sobre o sentido da vida. Combina com todas as outras afirmações.

As declarações 2, 5 e 8 representam uma visão pessimista. Elas conflitam com todas as outras afirmações.

As declarações 3, 6 e 9 representam a visão religiosa. Elas conflitam com todas as outras afirmações.

As declarações 4, 7 e 10 representam a visão secular-humanista. Elas conflitam com todas as outras afirmações.

Lawhead, William. The philosophical journey: an interactive approach. New York: McGraw-Hill, 2011. p. 642-643. (Tradução nossa)

  • Esse artigo foi útil para você?
  • Sim   Não

Deixe seu comentário