Questões ENEM sobre democracia, poder, Estado, formas de governo

Para fazer download das questões em formato Word, clique aqui.

1. (ENEM 2011) No mundo árabe, países governados há décadas por regimes políticos centralizadores contabilizam metade da população com menos de 30 anos; desses, 56% tem acesso a internet. Sentindo-se sem perspectivas de futuro e diante da estagnação da economia, esses jovens incubam vírus sedentos por modernidade e democracia. Em meados de dezembro, um tunisiano de  26 anos, vendedor de frutas, põe fogo no próprio corpo em protesto por trabalho, justiça e liberdade. Uma série de manifestações eclode na Tunísia e, como uma epidemia, o vírus libertário começa a se espalhar pelos países vizinhos, derrubando em seguida o presidente do Egito, Hosni Mubarak. Sites e redes sociais – como o Facebook e o Twitter – ajudaram a mobilizar manifestantes do norte da África a ilhas do Golfo Pérsico. SEQUEIRA, C. D.; VILLAMEA, L. A epidemia da Liberdade.  Istoé Internacional. 2 mar. 2011 (adaptado).  

Considerando os movimentos políticos mencionados no texto, o acesso a internet permitiu aos jovens árabes
difundir ideias revolucionárias que mobilizaram a população.
Resposta correta. O texto explica que muitos jovens dessa região apoiavam a democracia (uma ideia revolucionária) e usaram a internet para difundir suas ideias e, além disso, para ajudar a mobilizar manifestantes do norte da África a ilhas do Golfo Pérsico
reforçar a atuação dos regimes políticos existentes.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
manter o distanciamento necessário a sua segurança.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
tomar conhecimento dos fatos sem se envolver.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
disseminar vírus capazes de destruir programas dos computadores.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.

 2. (ENEM 2011, modificado) Na década de 1990, os movimentos sociais camponeses e as ONGs tiveram destaque, ao lado de outros sujeitos coletivos. Na sociedade brasileira, a ação dos movimentos sociais vem construindo lentamente um conjunto de práticas democráticas no interior das escolas, das comunidades, dos grupos organizados e na interface da sociedade civil com o Estado. O diálogo, o confronto e o conflito têm sido os motores no processo de construção democrática. SOUZA, M. A. Movimentos sociais no Brasil contemporâneo: participação e possibilidades das práticas democráticas. Disponível em: http://www.ces.uc.pt. Acesso em: 30 abr. 2010 (adaptado).  

Segundo o texto, os movimentos sociais contribuem para o processo de construção democrática, porque
contribuem para a inclusão no processo de decisões política de grupos que até então haviam sido excluídos.
Resposta correta!
privilegiam determinadas parcelas da sociedade em detrimento das demais.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
propiciam a adoção de valores éticos pelos órgãos do Estado.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
acabam com os conflitos sociais existentes na sociedade civil.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
determinam completamente o papel do Estado nas decisões econômicas.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.

3. (ENEM 2011)

TEXTO I

A ação democrática consiste em todos tomarem parte do processo decisório sobre aquilo que terá consequência na vida de toda coletividade. GALLO, S. et al. Ética e Cidadania. Caminhos da Filosofia. Campinas: Papirus, 1997 (adaptado).   

TEXTO II

E necessário que haja liberdade de expressão, fiscalização sobre órgãos governamentais e acesso por parte da população as informações trazidas a público pela imprensa. Disponível em: http://www.observatoriodaimprensa.com.br. Acesso em: 24 abr. 2010.   

Partindo da perspectiva de democracia apresentada no Texto I, os meios de comunicação, de acordo com o Texto II, assumem um papel relevante na sociedade por
fornecerem informações que fomentam o debate político na esfera pública.
Resposta correta!
orientarem os cidadãos na compra dos bens necessários a sua sobrevivência e bem-estar.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
apresentarem aos cidadãos a versão oficial dos fatos.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
propiciarem o entretenimento, aspecto relevante para conscientização política.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
promoverem a unidade cultural, por meio das transmissões esportivas.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.

4. (ENEM 2011) Os três tipos de poder representam três diversos tipos de motivações: no poder tradicional, o motivo da obediência e a crença na sacralidade da pessoa do soberano; no poder racional, o motivo da obediência deriva da crença na racionalidade do comportamento conforme a lei; no poder carismático, deriva da crença nos dotes extraordinários do chefe. BOBBIO, N. Estado, Governo, Sociedade: para uma teoria geral da politica. São Paulo: Paz e Terra, 1999 (adaptado).  

O texto apresenta três tipos de poder que podem ser identificados em momentos históricos distintos. Identifique o período em que a obediência esteve associada predominantemente ao poder carismático:
República Fascista Italiana no século XX.
Resposta correta!
Monarquia Teocrática do Egito Antigo.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
Monarquia Absoluta Francesa no século XVII.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
República Federalista Norte-Americana.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
Monarquia Constitucional Brasileira no século XIX.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.

5. (ENEM 2010 1ª aplicação) A política foi, inicialmente, a arte de impedir as pessoas de se ocuparem do que lhes diz respeito. Posteriormente, passou a ser a arte de compelir as pessoas a decidirem sobre aquilo de que nada entendem. VALÉRY, P. Cadernos. Apud BENEVIDES, M. V. M. A cidadania ativa. São Paulo: Ática, 1996.  

Nessa definição o autor entende que  a história da política está dividida em dois momentos principais: um primeiro, marcado pelo autoritarismo excludente, e um segundo, caracterizado por uma democracia incompleta.   

Considerando o texto, qual é o elemento comum a esses dois momentos da história política?
O impedimento da participação popular.
Resposta correta!
A distribuição equilibrada do poder.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
O controle das decisões por uma minoria.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
A valorização das opiniões mais competentes.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
A sistematização dos processos decisórios.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.

6. (ENEM 2009) Segundo Aristóteles, na cidade com o melhor conjunto de normas e naquela dotada de homens absolutamente justos, os cidadãos não devem viver uma vida de trabalho trivial ou de negócios — esses tipos de vida são desprezíveis e incompatíveis com as qualidades morais —, tampouco devem ser agricultores os aspirantes à cidadania, pois o lazer é indispensável ao desenvolvimento das qualidades morais e à prática das atividades políticas. VAN ACKER, T. Grécia. A vida cotidiana na cidade-Estado. São Paulo: Atual, 1994.  

O trecho, retirado da obra Política, de Aristóteles, permite compreender que a cidadania
possui uma dimensão histórica que deve ser criticada, pois é condenável que os políticos de qualquer época fiquem entregues à ociosidade, enquanto o resto dos cidadãos tem de trabalhar.
Resposta correta!
estava vinculada, na Grécia Antiga, a uma percepção política democrática, que levava todos os habitantes da pólis a participarem da vida cívica.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
tinha profundas conexões com a justiça, razão pela qual o tempo livre dos cidadãos deveria ser dedicado às atividades vinculadas aos tribunais.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
estava vinculada, na Grécia Antiga, a uma percepção política democrática, que levava todos os habitantes da pólis a participarem da vida cívica.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
vivida pelos atenienses era, de fato, restrita àqueles que se dedicavam à política e que tinham tempo para resolver os problemas da cidade.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.

7. (ENEM 2015) Ora, em todas as coisas ordenadas a algum fim, é preciso haver algum dirigente, pelo qual se atinja diretamente o devido fim. Com efeito, um navio, que se move para diversos lados pelo impulso dos ventos contrários, não chegaria ao fim do destino, se por indústria do piloto não fosse dirigido ao porto; ora, tem o homem um fim, para o qual se ordenam toda a sua vida e ação. Acontece, porém, agirem os homens de modos diversos em vista do fim, o que a própria diversidade dos esforços e ações humanas comprova. Portanto, precisa o homem de um dirigente para o fim. AQUINO. T. Do reino ou do governo dos homens: ao rei do Chipre. Escritos políticos de Santo Tomás de Aquino. Petrópolis: Vozes, 1995 (adaptado).

No trecho citado, Tomás de Aquino justifica a monarquia como o regime de governo capaz de
unir a sociedade tendo em vista a realização do bem comum.
Resposta correta!
promover a atuação da sociedade civil na vida política.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
dissociar a relação política entre os poderes temporal e espiritual.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
reformar a religião por meio do retorno à tradição helenística.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
refrear os movimentos religiosos contestatórios.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.

8. O que implica o sistema da pólis é uma extraordinária preeminência da palavra sobre todos os outros instrumentos do poder. A palavra constitui o debate contraditório, a discussão, a argumentação e a polêmica. Torna-se a regra do jogo intelectual, assim como do jogo político. VERNANT, J.P. As origens do pensamento grego. Rio de Janeiro: Bertrand, 1992 (adaptado).

Na configuração política da democracia grega, em especial a ateniense, a ágora tinha por função
constituir o lugar onde o corpo de cidadãos se reunia para deliberar sobre as questões da comunidade.
Resposta correta!
congregar a comunidade para eleger representantes com direito a pronunciar-se em assembleias.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
permitir aos homens livres o acesso às decisões do Estado expostas por seus magistrados.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
reunir os exércitos para decidir em assembleias fechadas os rumos a serem tomados em caso de guerra.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
agregar os cidadãos em torno de reis que governavam em prol da cidade.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.

9. (ENEM 2016) A democracia deliberativa afirma que as partes do conflito político devem deliberar entre si, e, por meio de argumentação razoável, tentar chegar a um acordo sobre as políticas que seja satisfatória para todos. A democracia ativista desconfia das exortações à deliberação por acreditar que no mundo real da política, onde as desigualdades estruturais influenciam procedimento e resultados, processos democráticos que parecem cumprir as normas de deliberação geralmente tendem a beneficiar os agentes mais poderosos. Ela recomenda portanto, que aqueles que se preocupam com a promoção de mais justiça devem realizar principalmente a atividade de oposição crítica, em vez de tentar chegar a um acordo com quem sustenta estruturas de poder existentes ou delas se beneficia. YOUNG, I. M. Desafios ativistas à democracia deliberativa. Revista Brasileira de Ciência Política, n. 13, jan. abr. 2014.

As concepções de democracia deliberativa e de democracia ativista apresentadas no texto tratam como imprescindíveis, respectivamente,
a obtenção do consenso e a mobilização das minorias.
Resposta correta!
a fragmentação da participação e a desobediência civil.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
a imposição de resistência e o monitoramento da liberdade.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
a organização de eleições e o movimento anarquista.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.
a decisão da maioria e a uniformização de direitos.
Essa não é a alternativa correta, continue tentando.

  

  • Esse artigo foi útil para você?
  • Sim   Não

Deixe seu comentário