Pesquisa orientada sobre cotas raciais | Filosofia na Escola

Pesquisa orientada sobre cotas raciais

Introdução

As cotas raciais começaram a ser adotadas no Brasil no começo dos anos 2000. Desde lá, essa política gerou e gera muitas polêmicas. A principal delas é certamente uma discussão moral sobre a justiça desse tipo de prática. Dada a escassez de vagas e o grande número de interessados, é justo que algumas dessas vagas sejam reservadas para candidatos que pertencem a uma parcela da população historicamente desfavorecida? Associada a essa questão, surgem várias outras, como: quais os critérios devem ser adotados para a admissão em universidades? É justa uma política baseada parcialmente em características que estão fora do controle do candidato? Qual o impacto das cotas raciais no racismo? As cotas raciais violam o princípio de igualdade de oportunidades?

Essa pesquisa irá te conduzir por algumas ideias e questões que serão úteis para que reflita cuidadosamente sobre o tema e a partir disso tenha uma opinião bem fundamentada.

Siga para as tarefas para mais informações sobre o que deverá fazer.

Tarefas

Para concluir essa pesquisa sobre cotas raciais, faça as seguintes tarefas:

  1. Faça uma pesquisa em alguns dos textos disponíveis em processo. Esses textos apresentam diferentes pontos de vista e argumentos sobre as questões apresentadas na introdução.
  2. Escreva uma dissertação de síntese sobre a pesquisa realizada.
  3. Faça uma apresentação de 5 minutos para os colegas de turma sobre a pesquisa que realizou.

Na aba avaliação você encontra mais detalhes sobre como realizar as duas últimas tarefas e os critérios de avaliação.

Agora vá para processo, onde encontrará os materiais para realizar sua pesquisa.

Publicidade

Processo

  1. Sistema de cotas raciais: inclusão em meio à controvérsia
  2. Cotas raciais e divisão social
  3. Cotas raciais no Brasil: entenda o que são
  4. Cotas raciais: compensando erros do passado
  5. Cotas raciais: promovendo a diversidade

Avaliação

Para concluir essa pesquisa, você deverá apresentar para os colegas os pontos principais da sua pesquisa e escrever uma dissertação. Nesses trabalhos, siga as orientações abaixo:

Apresentação

Na sua apresentação, você deve: 1) apresentar o problema que irá discutir; 2) apresentar pelo menos dois argumentos a favor e contra; 3) apresentar seu ponto de vista sobre a questão pesquisada, seguido de argumentos consistentes; 4) responder a alguns questionamentos dos colegas.

Sua apresentação será avaliada de acordo com os seguintes critérios: 1) atendeu às quatro exigências acima; 2) apresentou os argumentos a favor e contra de forma clara, completa e imparcial; 3) soube usar argumentos para defender uma perspectiva pessoal e responder à críticas.

Dissertação

Sua dissertação, deve seguir um esquema parecido com o da apresentação: 1) apresentar o problema que irá discutir na introdução de seu texto; 2) apresentar pelo menos um argumento a favor e contra; 3) apresentar seu ponto de vista sobre a questão pesquisada, seguido de argumentos consistentes.

A correção de sua dissertação levará em conta os seguintes critérios: 1) atendeu às exigências acima; 2) apresentou os argumentos a favor e contra de forma clara, completa e imparcial; 3) soube usar argumentos para defender uma perspectiva pessoal sobre a questão da pesquisa.

Conclusão

Parabéns por ter chegado até aqui. Agora você conhece um pouco do debate existente na filosofia sobre as cotas raciais. Esperamos que essa pesquisa e a discussão com os colegas tenha contribuído para sua reflexão sobre esse tema.

Esse é um bom começo de pesquisa, porém ela não precisa parar por aqui. Caso deseje continuar, os links abaixo serão úteis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tudo que publicamos sobre:

Relacionado

John Locke

John Locke é um filósofo inglês, pai do liberalismo político, um dos principais representantes do empirismo e criador de conceitos como tábula rasa e direitos humanos.

Descartes

Descartes é considerado o pai da filosofia moderna e as suas concepções sobre o conhecimento, método, ciência e a mente humana foram e ainda são muito influentes.

Filosofia da ciência

A filosofia da ciência estuda o que é a ciência, o que diferencia esta de outras formas de saber, como a religião, e o método que usa para produzir conhecimento.